Sofá-cama

O sofá no modelo cama ainda sofre com alguns estigmas por conta dos modelos antigos. Há quem ainda ache que sofá-cama é um item ultrapassado, nada atraente, desconfortável e que se torna um dificultador de rotina com o passar do tempo. Saiba que essa realidade se reconfigurou com novos modelos disponíveis no mercado, tornando o sofá-cama um item moderno, multifuncional, e que realmente pode trazer praticidade e conforto para o seu dia a dia.

A pesquisa pelo sofá-cama perfeito precisa ser tão minuciosa ou mais, do que a busca por um sofá comum. Por conta de seu mecanismo, que o torna um item de duas funções, é importante pesquisar, além do modelo, cor e estilo, o mecanismo que melhor atenda às suas necessidades e espaço.

O começo dessa busca sempre será pelas medidas. Então certifique-se do espaço que tem disponível para usá-lo como sofá e como cama, para que nenhuma das funções saiam prejudicadas.

O sofá-cama, sendo utilizado em sua função básica, tem as mesmas necessidade que um sofá comum. É preciso que a área onde será alocado seja suficiente para o uso e circulação das pessoas que habitam o cômodo.

Assim o uso dele apenas como sofá será feito com conforto e sem se preocupar em dividir o espaço com outras pessoas, inclusive. Já o móvel sendo utilizado como cama, é preciso calcular o espaço que ele irá ocupar enquanto estiver aberto.

Levando em consideração que um sofá-cama pode abrir em diversos mecanismos diferentes, é importante lembrar da dinâmica que o móvel propõe para que o seu dia a dia não seja tão trabalhoso. Este tipo de sofá pode ser encontrado em diversos modelos, que podem impactar diretamente na sua rotina e no seu descanso.

O conforto proporcionado por ele também está relacionado ao estilo do qual ele faz parte, por isso, vale pesquisar esses quesitos. O sofá-cama do tipo dobrável é o mais comum deles, e consiste naquele item que pode ter o seu assento ou encosto desdobrado, “desenrolando” sua estrutura e estendendo sua profundidade.

Escolhendo modelo e tecido do seu sofá-cama

Esse mecanismo pode ser desenvolvido por meio de uma simples abertura das partes, ou de um assento que seja retrátil e, ao deslizar para frente, deite o encosto simultaneamente, formando uma peça única e plana, como uma cama.

Eles costumam ser bipartidos, e acabam orientando o corpo a se acomodar mais na parte correspondente ao assento do que ao encosto. Por esse motivo, é importante verificar a profundidade do assento mesmo que enquanto sofá para que se tenha uma noção da cama - com área útil - que ele irá se tornar.

Os pontos de dobra do sofá foi o que os tornou um item não muito desejado, por serem pontos mais rígidos e desconfortáveis. No entanto, com a chegada dos novos modelos de sofás-cama dobráveis, essa característica melhorou bastante.

Além disso eles costumam ser os mais robustos. Ótimo para quem quer se sentir numa cama mesmo, e esquecer que está deitado num sofá. Um outro modelo disponível no mercado de móveis, é o sofá-cama amplo, daqueles que você precisa alterar muito pouco para que ele tome a forma de uma cama. Um exemplo dele são os modelos em que apenas retiramos os braços, e sua extensão já se torna uma cama. Ou retiramos o encosto, e temos o mesmo efeito. Esse modelos também costuma ser espaçoso e exigir um pouquinho mais de espaço. Ideal para quem gosta daquela decoração estilo loft americano, com o sofá e cama rebaixados, numa pegada bem moderna. Alguns modelos dobráveis também dão este efeito quando abertos, principalmente se ficarem no nível do chão.

Como comprar pela Internet não permite a parte sensorial que as lojas físicas proporcionam, é primordial sair em busca de todas as informações possíveis sobre a peça. Quanto mais imagens e demonstrações do funcionamento do item puderem ser exploradas, melhor. Boas lojas de móveis estarão sempre à disposição para tornar essa experiência o mais fácil possível para você. Por isso, torna-se importante também incluir na busca o revestimento perfeito.

O tecido de qualquer sofá é uma escolha importante por si só. Ainda mais se for um sofá que você vai usar com muita frequência. Esse tecido deverá suprir suas necessidades de conforto, de forma que usá-lo se torne um momento de total relaxamento, e não de incômodo. No caso do sofá-cama, a escolha do tecido torna-se ainda mais importante, pois usá-lo como cama requer um contato ainda maior com o móvel.

Escolha o revestimento que seja agradável ao toque, principalmente quando estiver deitado nele. Primeiramente, pondere. Quem irá dormir nesse sofá: uma visita esporádica ou um integrante da família, todos os dias? Esse contato sobre o qual mencionamos anteriormente pode ser relevado se você achar um item de couro que é tudo o que você sempre sonhou, mas apesar de achar que ele irá esquentar muito no calor, ou esfriar no frio, será pouco usado para levar em conta tal desconforto.

Mas o couro - natural ou sintético - é apenas uma das opções disponíveis no mercado. Sofás-cama em tecidos de toque macio, como o algodão, chenile, suede, animale ou veludo são excelentes opções para quem quer um toque macio e aconchegante, e que facilite o uso de roupas de cama. Algumas opções em linho também são boas opções para quem quer um revestimento mais alinhado e neutro em sua decoração, sem muitas sensações ao toque.

Vitrine

A estrutura do sofá também é de extrema importância. Madeiras maciças costumam dar uma sustentação maior ao corpo completo do sofá, além de suportar mais peso. Mas algumas estruturas em MDP e compensados mais fortes também cumprem bem o quesito firmeza. Na parte da maciez e equilíbrio, a mesma premissa dos colchões se aplica aos estofados. Espumas são obrigatórias, pois são elas que dão a maciez. Mas para o corpo não afundar e ter a liberdade de movimento, livre de qualquer preocupação, as molas - principalmente as ensacadas - são as responsáveis pela segurança que sentimos ao desfrutar de um móvel desse tipo. Fique de olho na densidade do assento, encosto e braços - se eles forem utilizados de alguma forma no modo sofá e no modo cama - e nos elementos extras que alguns modelos podem oferecer, como o pillow top - uma camada adicional de espuma que deixa o sofá ainda mais aconchegante.

Por fim, leve em consideração a decoração e o cômodo onde o seu sofá-cama será usado. Muitas pessoas deixaram de cogitar o modelo na sala de estar por não considerarem um sofá-cama bonito, mas os novos modelos vieram para derrubar essa teoria.

Você pode compor uma decoração super moderna, clássica ou arrojada na sua sala de estar com um sofá-cama. Ainda assim, o modelo pode atrapalhar o ir e vir, e acabam preferindo arrumá-lo num dos quartos ou no escritório.

O bom senso na combinação do tecido do seu sofá-cama com o restante da mobília é o mesmo de quando combinamos um sofá comum. Além de acolher durante a noite, o sofá-cama pode ser um excelente companheiro durante o dia, nas sessões de TV e na reunião em família.

Pense na cor ideal que vá fazer a sua decoração se destacar, trazendo um item de ponto focal - coloridos - ou um item para neutralizar o ambiente - cores neutras - e deixe seu cômodo tão bonito quanto confortável, como sempre sonhou. Confira agora os sofás-cama da Toque a Campainha em sua loja virtual, e veja como esse item especial pode agregar valor e qualidade de vida à sua rotina diária!

Conheça nossos sofás-camas